Microtransplante Capilar

Implante de Cabelo

Implante de Cabelo

A calvície acomete uma grande parcela dos homens adultos, podendo atingir também algumas mulheres. A cirurgia da calvície, ou microtransplante capilar, consiste na retirada de folículos capilares da área doadora, geralmente a porção mais acima da nuca. Esses fios possuem diferente origem genética, sendo insensíveis aos efeitos danosos dos androgênios, principais responsáveis pela queda dos cabelos.

Basicamente existem duas técnicas para o microtransplante capilar. A técnica clássica (FUT - Folicular Unit Transplantation) envolve a retirada de uma faixa do couro cabeludo, resultando numa cicatriz linear de difícil percepção na maioria dos casos. As unidades foliculares são separadas individualmente com o auxílio de microscópio e depois são implantadas na área calva, obedecendo o desenho natural dos cabelos. Em cada sessão, cerca de 7000 fios são transplantados.

Recentemente, avanços tecnológicos permitiram a criação de uma nova técnica, conhecida por FUE (Folicular Unit Extraction). Nesta modalidade cirúrgica, as unidades foliculares são extraídas individualmente através do uso de aparelhos específicos. Não há, neste caso, a cicatriz linear, mas sim pequenos orifícios que cicatrizarão rapidamente. Esta técnica tem a vantagem de uma recuperação mais rápida, mas é indicada para casos nos quais a calvície não é tão extensa.

Geralmente, o cabelo inicia seu crescimento em 2 meses, atingindo o resultado final após um ano. Dependendo do grau de calvície, podem ser necessárias sessões adicionais para se obter o resultado desejado.